1 de fevereiro de 2012

Vai haver sangue!


Ai que o meu cabelão comprido já era!
E depois ainda perguntam porque é que odeio ir ao cabeleireiro...


26 comentários:

Rita Carvalho disse...

mudar faz bem! :D

Happy Brunette disse...

Aiiii eu também fico passada!Uma vez pedi uma franja ao lado ela cortou-me a direito fiquei furiosa quando vi aquilo peguei nas minhas coisas e fui-me embora sem pagar e nunca mais la pus os pés...

I want to be Barbie disse...

é sp assim :(

Mia disse...

Como te percebo.. custa tanto!

http://pegadafeminina.blogspot.com/

Katty disse...

Pois são sempre assim mas ele cresce =)

THINK IN PINK disse...

calma calma calma, ele cresce darling :)

piccolina disse...

pensamento positivo do dia: ele volta a crescer :)

Marta disse...

vais ver que cresce num instante :)

Nice disse...

como te percebo... pedimos para cortar um ou dois centimetros e quando vamos a ver ja temos menos uns quatro.

cereja disse...

eu confesso que ja me habituei a cortes radicais mas agora estou mesmo a deixar crescer o cabelo. vai ver que não esta assim tal mal :)

mari disse...

bolas :S
se fosse a ti passava a cortá-lo eu :)
**
(há uns vídeos no youtube a explicar e tudo ;))

Palavra Já Perdida disse...

Ele cresce novamente :D

Plim disse...

mais dia menos dia habituas-te =)
Sem stress!!

_Jo_ disse...

Eu também detesto porque me acontece sempre o mesmo...mas para a próxima vai ter mesmo de ser ainda que eu só vá dizer: "são só as pontas...."

Maggy disse...

eh pá. é que em toda a minha vida só conheci mesmo uma cabeleireira que corta exactamente o que lhe pedem

Danii disse...

Odeio ir ao cabeleireiro por causa disso :c

RITITI disse...

ahaha conheçço a sensação...se o corte foi muito radical, ate lá...extensões !!

J disse...

Adoro o blog!
Eu fui ao cabeleireiro na semana passada e fiquei com o cabelo super pequeno :(
Sigo*

lm disse...

é sempre assim -.- pra semana sou eu, mas tem de ser!

guida disse...

Será que os cabeleireiros sabem com tantas pessoas queixarem-se?! Nunca mais aprendem!

Ana FVP disse...

Passei por essa desgraça há uns meses atrás. Só não chorei porque achei que não ia adiantar em nada. Um stress!

Ana João* disse...

Eu continuo a achar que elas nao sabem o que é cortar só as pontas xD e sofrem todas do mm mal..e so pegr na tesoura e sp a cortar..dps qd vams a ver "aiiiiiii o meu cabelo --'" e ja n ha nda a fzer..

E esperar agr =D

Cris ♥ disse...

Elas falam uma língua diferente da nossa... nós bem explicamos, gesticulamos a explicar...

Green disse...

Eu devia ter ido cortar este fim-de-semana, mas ainda não ganhei coragem.

C. * J. disse...

Eu já fui a imensos cabeleireiros, imensos mesmo, e tenho o problema oposto, nunca cortam o que quero, sempre menos. Eu tenho o cabelo bem comprido, o que me parece é que têm pena de o cortar. Ou então, como ir ao cabeleireiro é uma coisa que faço sempre que posso na companhia da minha mãe, talvez seja o olhar ameaçador que ela faz lá atrás que as intimida. A minha mãe adora cabelos compridos. E hoje vou cortar as pontas a um cabeleireiro que nunca fui, vamos lá ver se não é hoje que mudo de opinião.

C.

Amelie disse...

Ele cresce outra vez :D